(41) 3019-8899

A Clínica Reggazzo

Composta por uma equipe multidisciplinar chefiada pelo Dr. Marco Aurélio K. Reggazzo. Com a missão de oferecer o melhor de cada um em benefício do paciente

Abdominoplastia

A Abdominoplastia consiste na cirurgia plástica de abdômen, na qual remove-se o excesso de pele e trata-se a musculatura abdominal ("aperta-se os músculos"). É indicada para homens e mulheres que tenham flacidez de pele e/ou músculo nesta região do corpo.


A causa mais freqüente de flacidez abdominal nas mulheres é a gestação, principalmente se houve mais de uma ou se o ganho de peso for grande. Outra causa freqüente, em homens e mulheres, são os grandes emagrecimentos, clínicos ou pós-cirúrgias bariátricas (cirurgia para tratamento da obesidade). A abdominoplastia é realizada com anestesia peridural sedação ou geral, o paciente fica internado dois dias e os cuidados principais no pós-operatório estão relacionados à restrição de movimentos e esforços. Deve-se usar uma cinta e tensor para dar mais "firmeza" e segurança à área operada. Estas são usadas por aproximadamente 30/40 dias.


O período de recuperação que requer maior cuidado é exatamente o primeiro mês. Deve-se evitar esforços físicos e a direção de automóveis. Nos primeiros 15 dias após a cirurgia, deve-se evitar subir escadas e é preciso dormir em decúbito dorsal (barriga para cima) com os joelhos levemente dobrados, deve-se ainda andar ligeiramente curvado para frente para evitar "esticar" o abdômen. À primeira vista, os cuidados parecem muitos, porém, a plástica abdominal tem uma característica importante, pois, quando bem planejada, executada e se o paciente seguir todas as orientações o resultado é para o resto da vida. Logo, deve-se avaliar custo - benefício.


Outro fator importante sobre a plástica abdominal diz respeito à cicatriz, que é proporcional à quantidade de pele removida. Isto é, quanto maior o abdômen, maior será a cicatriz. Porém, quando o incômodo com a flacidez é grande, os pacientes não pensam duas vezes para ter uma "barriguinha enxuta" com uma cicatriz que deve ser bem posicionada e cuidada da melhor forma possível. O abdômen é o centro de gravidade do organismo. Quando a pessoa tem flacidez de musculatura abdominal há uma tendência a má postura e vice-versa. Muitas vezes a musculatura abdominal enfraquece e leva a pessoa a ter dores crônicas nas costas. Nesses casos, a cirurgia praticamente cura o problema. O fato de operar o abdômen não significa isenção de exercícios físicos. Ao contrário, o que recomendamos e observamos na maioria dos casos é que com a cirurgia um fator positivo desencadeante que leva o indivíduo a se cuidar melhor em todos os aspectos.